Fim de ano poderá ter 44 mil vagas temporárias

0
51

Comércio e serviços estão contratando em todo o estado

Os profissionais em busca de emprego devem encontrar, neste final de ano, ao menos 44 mil vagas temporárias em todo o estado de São Paulo. A previsão é da FCDLESP (federação dos lojistas de São Paulo).

As chances estão disponíveis, principalmente, no setor comercial, mas há postos também para a área de serviços. Segundo Maurício Stainoff, presidente da federação, a geração de empregos deve ser 7% maior do que no ano passado.

“Para nós representa um otimismo grande; 7% é um número bem interessante e mostra que os empresários acreditam que vai melhorar bastante. Eles não sentiram ainda, mas acreditam que a economia vai crescer”, diz.

Os interessados nas oportunidades devem buscar as vagas em três principais locais: agências de emprego, sites das grandes redes varejistas e próprias lojas, quando se tratar de micro e pequenos empresários.

Os salários oferecidos chegam a R$ 1.996, mas é possível ganhar mais com gorjetas e comissões. Os lojistas buscam profissionais com 28 anos e com experiência. “Quem tem experiência sempre terá vantagem em relação aos outros.”

O levantamento da federação mostra que há expectativa de crescimento de contratações também no interior e no litoral.

Em Franca (400 km de SP), devem ser abertas mil vagas. Em Jundiaí (58 km de SP), a previsão é contratar 2.000 funcionários. No litoral paulista, os lojistas de Santos preveem a possibilidade de abertura de 800 vagas na região.

Quatro em dez empresários afirmam que vão efetivar

Levantamento da federação dos lojistas mostra que 4 em cada 10 empresários pretendem efetivar seus temporários.

Segundo Maurício Stainoff, presidente do órgão, o segundo semestre é um momento de boa chance de empregabilidade. Ele indica que, para garantir a vaga fixa, o profissional deve mostrar comprometimento com o trabalho.

Stainoff reforça o otimismo não só com o crescimento de vendas neste período, já que há pagamento do 13º salário, mas também com a iniciativa de liberação de até R$ 500 do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). “Se não for otimista, nem levanta a porta.”

Contratações | Previsão de crescimento

As vagas temporárias no estado de São Paulo devem somar 44 mil neste final de ano

A estimativa é que as contratações sejam 7% maiores do que no ano passado

Setores que mais vão empregar:

Lojas de roupas, sapatos e acessórios
Eletrônicos
Restaurantes
Cosméticos

Perfil do trabalhador
Os empresários estão em busca de profissionais em torno de 28 anos, mas também há chances para mais novos e mais velhos
Quem tem experiência sai na frente, principalmente em comércio e serviços

Demonstre comprometimento
Profissionais comprometidos têm mais chances de serem efetivados
Não falte, não se atrase e se empenhe na função

4 em cada 10 empresários pretendem fazer contratações fixas no ano que vem

Salários
As remunerações são até dois salários mínimos, o que dá R$ 1.996
Há ainda os ganhos extras com comissões e gorjetas, por exemplo

Como concorrer
O trabalhador pode buscar as vagas em:

Agências de emprego

Site das grandes redes varejistas

Diretamente nas lojas

Fonte: FCDLESP (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo) 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here